A partir do momento em que as empresas começaram a entender a importância da presença digital, tem se investido cada vez no relacionamento com clientes e estratégias de marketing digital para ganhar visibilidade e transmitir credibilidade.

Dentro desse cenário, adjunto da constante evolução do mercado de trabalho e grande abrangência da tecnologia, novas profissões e funções começaram a surgir.

Inserido nisso, surge a profissão do social media e muita gente pensa que a função principal é passar o dia navegando nas redes sociais, mas engana-se quem acha que o trabalho desse profissional se resume a isso.

Ele é o responsável por fazer a gestão de uma ou várias plataformas de redes sociais. Para além de navegar nas redes sociais, é ele quem planeja, cria, interage, analisa, gerencia e faz tudo acontecer. É dele a responsabilidade de fazer a ponte entre marca e pessoas.

Origem do termo


Não se sabe ao certo quando de fato surgiu essa profissão, porém ela está inteiramente ligada ao avanço da internet e surgimento das redes sociais.

As mídias sociais são os meios por onde as marcas compartilham conteúdos e se relacionam com seu público. Entretanto, as plataformas existentes como blogs, redes sociais e sites não fazem isso sozinhas. Elas são apenas canais que possibilitam a interação.

Chamamos de social media o profissional responsável por realizar a ativação desses canais.


Só mexe com redes sociais?

 

As redes sociais são apenas canais que possibilitam a interação entre marca e público. O principal objeto de trabalho de um social media são as pessoas. Em suma, é com elas que este profissional terá que lidar. 

Além disso, o universo virtual é muito abrangente para limitar a atividade de um social media apenas às redes sociais. Para além delas, é preciso estar atento ao que acontece à sua volta, tanto em um recorte micro, quanto no macro e isso requer habilidade nos sites de buscas e ferramentas como o Google Trends e Key Word Planner.

Engana-se quem pensa que as redes sociais se limitam apenas ao Instagram, Twitter e Facebook. Também estão inseridos neste contexto o YouTube, LinkedIn, o mais recente Tik Tok, dentre outras. É preciso ter atenção à plataformas como o Google Meu Negócio e ReclameAqui, que também promovem a interação social permitindo o feedback de solicitações e serviços prestados.

 

É publicidade, relações públicas ou jornalismo?

 

O profissional de social media pode ser formado tanto na área de comunicação quanto na administrativa.

A maioria tem formação acadêmica em publicidade, relações públicas ou jornalismo, mas isso não quer dizer que um expert em redes sociais em marketing digital formado em letras ou administração não possa investir na profissão.

Como começar a trabalhar como social media?


Estar familiarizado com as redes sociais já é um ótimo ponto de partida, adicione isso à vontade de aprender conhecimento sobre outras funções e amar o que faz. Afinal, afinidade gera conhecimento e propensão a aprender com facilidade e agilidade.

Não adianta trabalhar com o que não gosta. Por mais que a profissão pareça um sonho, lidar com pessoas pode ser bastante estressante e esse é o objeto principal objeto de trabalho do social media.

Para se tornar um social media e ter sucesso nessa carreira também é preciso estudar bastante e se dedicar a conhecer as principais tendências do marketing digital. Ser alguém extremamente atualizado conta muito. Não dá pra “dormir no ponto”. O aprendizado constante permite o desenvolvimento de estratégias de qualidade.

Esteja disposto a conhecer coisas novas diariamente. A partir do momento que uma marca cai na mesmice, o público percebe e logo perde o interesse. Portanto, tenha em mente a importância de se destacar e gerar conteúdo de valor que agregue à sua audiência.

 

Conheça alguns cases de campanhas de redes sociais da Agência Public:

  Campanha Onix Plus

  Campanha ILPF

0 0 vote
Article Rating
Neto

Neto Gasparetto

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Aviso

Utilizamos cookies próprios e de terceiros neste site para analisar o tráfego, lembrar sua preferência e otimizar sua experiência. Continuando você estará concordando com o uso.

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x